Psicoblocs, Escale e conheça os Lugares onde se pratica o esporte

Livre, leve e solto, Talvez seja essa a definição do que seria o esporte ultra radical (psicoblocs) Psicobloco. Quando ainda no inicio, era como se fosse uma brincadeira no lago, onde alguns guris que convivem no local estavam chacoteando serras, morros e rochas, tentando subir o mais alto que pudesse rasteando nas pedras íngremes para pular.

Um dos guris chamou a atenção de Felipe que voltava de uma conquista no Morro Jair Lourenço, pois o mesmo tinha muita facilidade de subir descalço nas pedras. Felipe teve a idéia de pegar a sapatilha e emprestar para o garoto que imediatamente não pensou duas vezes e colocou a sapatilha para encarar as paredes que cercam o lago.

Após várias tentativas do menino, Felipe pegou a sapatilha e surgiu a primeira via, em uma aresta em agarras bem vertical, chamada “Peixe Doido”, 5º grau 15 metros. Este tipo de escalada começa com a deslocação, normalmente com ajuda de um barco, para o local de escalada, que não é mais do que uma falésia, pronto… começa a surgir o psicobloco.

Não se sabe ao certo até que ponto pode-se agüentar aguarrado as rochas, uma vez que a cada instante novos desafios sugem. Uma coisa é certa, em baixo, no meio ou mesmo no topo, após a conquista – o fim é mesmo dentro d’água.

O Psicoblocoé um esporte que possui algumas semelhanças com o bouldering, tanto no material usado, como na forma de descanso: caindo. Mas, ao contrário do bouldering, o atleta não caí para crash-pads, mas no azul do mar, rio, lago ou grandes barragens brasil a fora.

Até.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *