Motivos da implantação do Novo Protocolo de IP IPv6

O principal fator que impulsiona a implantação do IPv6 é a necessidade, como já discutimos acima, não se sabe ao certo até que ponto o IPv4 suportará os Bilhões de IP existentes – No entanto o problema não mais existe – Uma vez que até o meio desse ano os rumos da Internet deverão ser ampliados pelo novo Protocolo de IP – IPv6.

Ele é necessário na infra-estruturar da Internet. É uma questão de continuidade de negócios, para provedores e uma série de outras empresas e instituições.

Contudo, há outros fatores que motivam sua implantação. Atualmente, imagina-se um futuro onde a computação será ubíqua e pervasiva… A tecnologia estará presente em vários dispositivos hoje não inteligentes, que serão capazes de interagir autonomamente entre si – computadores invisíveis interligados à Internet, embutidos nos objetos usados no dia a dia – tornando a vida um pouco mais simples.
Pode-se imaginar eletrodomésticos conectados, automóveis, edifícios inteligentes, equipamentos de monitoramento médico, etc. O IPv6, com endereços abundantes, fixos, válidos, é necessário para fazer desse futuro uma realidade.

Outro motivo é a expansão das redes. Vários fatores motivam uma expansão cada vez mais acelerada da Internet: a inclusão digital, as redes 3G, etc. São necessários mais IPs.

A Qualidade de serviço e a convergência das redes de telecomunicações futuras para a camada de rede comum, o IPv6, favorecerá o amadurecimento de serviços hoje incipientes, como VoIP, streaming de vídeo em tempo real, etc, e fará aparecerem outros, novos.
O IPv6 tem um suporte melhorado a classes de serviço diferenciadas, em função das exigências e prioridades do serviço em causa. Outro motivo é a mobilidade que está a tornar-se um fator muito importante na sociedade de hoje em dia.

O IPv6 suporta a mobilidade dos utilizadores, estes poderão ser contactados em qualquer rede através do seu endereço IPv6 de origem.

Até!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.