9ine de Ronaldo no Financial Times, Marketing Esportivo

Ronaldo Fenômeno sai dos pólos esportivos e figura nada mais nada menos que no Financial Times ao lado de sua empresa de Marketing Esportivo 9nine. Pra quem não sabe, esse é, considerado por muitos, o maior informativo de circulação impressa e internacional na área da economia. Também conhecido como simplesmente FT, é um jornal internacional de negócios com sede no Reino Unido. É impresso num papel diferente, cor-de-rosa salmão. É considerado um jornal de elevada reputação, sendo um dos jornais mais lidos por líderes empresariais.

financial times 20MARKETING 20ESPORTIVO 9ine de Ronaldo no Financial Times, Marketing Esportivo
É freqüentemente apontado como uma das melhores fontes de noticias no que toca a União Européia, o Euro e as corporações européias. O jornal, que figura na lista dos mais relevantes do globo, destaca a ida do Fenômeno à Inglaterra em 27 de março, quando assistiu, ao lado de Sir Martin Sorrell – CEO do WPP –, a partida entre Brasil e Escócia, desta vez longe dos gramados.

A matéria traz depoimentos de Ronaldo em que o agora executivo ressalta que pretende explorar o relacionamento construído em mais de 17 anos de carreira esportiva, tanto com atletas e dirigentes quanto com grandes executivos.
Ronaldo 209NINE 9ine de Ronaldo no Financial Times, Marketing Esportivo
Também ganha relevância o rápido crescimento do mercado brasileiro nos últimos anos, as oportunidades que nascerão com a Copa e as Olimpíadas e os clientes que já figuram na carteira da 9ine – entre eles os atletas Neymar, Falcão e Anderson Silva, e a GlaxoSmithKline.

Ronaldo quer mesmo fazer parte desse sonho. Afinal o marketing esportivo refere-se à aplicação específica dos princípios e processos do marketing a produtos de esporte (times, ligas, eventos, etc.). Ele pode atuar desde trabalhar a imagem de jogadores e atletas como também promover grandes espetáculos, shows e eventos esportivos.

No entanto, essa é uma nova área de marketing que atua dentro da indústria do esporte, movimentando bilhões em todo o mundo.Para se ter uma idéia a Copa do Mundo da África tinha uma estimativa de gerar algo perto de US$ 3,3 Bilhões de receita.

 

Até!